A Casa do Gaiato

Obra meritória, criada há 60 anos pelo Padre Américo, a Casa do Gaiato tem como objectivo o acolhimento, a educação e a integração na sociedade de crianças e jovens, que por alguma razão foram privadas de um meio familiar.

Numa entrevista dada ontem ao JN, o Padre Julio, responsável pela casa de Paço de Sousa, da conta da redução do numero de crianças que aquela instituição acolhe nos últimos anos. Uma das razoes apontadas para esta redução foi o facto de não existir um acordo com a Segurança Social, o que faz com que esta instituição não os procure.

Numa época em que o numero de crianças abandonadas e maltratadas sobe assustadoramente, e em que o numero de infra-estruturas para as acolher é manifestamente reduzida, e nalguns casos sem as mínimas condições a pergunta impõe-se: Porque?

Anúncios