OE 2016 – Perdeu-se a vergonha em Portugal

Num pais que tem 3 milhões de pobres e em que cerca de milhão e meio vive em casas sobrelotadas e sem condições.

Num pais em que a taxa de risco de pobreza atinge meio milhão de crianças.

Num pais em que 120.000 crianças passam fome de forma permanente.

Num pais em que 1/4 das crianças vivem em agregados familiares com um rendimento per capita inferior a 416,00 mensais.

Num pais em que quase 3 milhões tem carencias alimentares graves.

Num pais em que 1,5 milhões nao consegue ter numa semana uma refeição completa.

Num pais em que mais de 4 milhões de pessoas passam privações materiais severas

Discute-se um orçamento e a preocupação da imprensa e dos críticos é o aumento da gasolina em 6 centimos bem como o aumento do imposto para quem compra um carro novo.